Olá, Pessoal!

Esse blog foi criado com o objetivo de compartilhar idéias, dicas e sugestões sobre artesanato, presentes, decoração, utilidades, entre outros. Aqui você também irá encontrar os trabalhos da loja Ikera Presentes e, quem sabe, o passo a passo de alguns deles. Entrem, naveguem, curtam e compartilhem se gostarem! Sejam muito bem vindos! Renata Sousa

Quer Vender Seu Artesanato? (Parte III)

"Caixa em mdf, pintada com as mão, decorada com papel de decopage, detalhes em predaria e alssa de couro. Òtima opsão de Presente!"

Há algo de errado com esse texto? Se você notou, parabéns! Se não, leia novamente e , desta vez, mais atentamente... Se, ainda assim,  não conseguir perceber nada de errado, tá na hora de rever seu vocabulário.
Leio muitos blogs por aí, navego em várias fan pages e lojas virtuais, até mesmo para me atualizar e ficar antenada no que anda acontecendo  de novidade no mundo do artesanato. E, não há nada pior do que ver uma palavra escrita errada, uma concordância mal feita ou um texto mal formulado.
Por mais que seja boa a ideia, o material ou o produto, você acaba ficando desacreditado por ter escrito um texto ou descrição de um produto com tantas palavras incorretas, dentro de um texto mal produzido. Há aqueles que até põem em dúvida se aquele produto é de fato procedente daquele artesão que o descreve, diante de tantos erros. Veja:

"Caixa em mdf, pintada à mão, decorada com a técnica da decòupage, detalhes em relevo transparente, pedraria e alça de couro. Òtima opção de presente!"

Acho que assim, o texto ficou bem mais agradável aos nossos olhos. Vocês não acham?
Portanto, se você "é o cara" no que faz, não deixe que a qualidade de seu trabalho entre em confronto com as palavras e textos mal escritos. Se acha que, ao escrever, você deixa a desejar, faça um rascunho e peça alguém para revisar o que você escreveu, e corrigir suas falhas, caso seja necessário.
Resumindo... Escreva bem, para vender sempre!
Até o próximo post da série.

Pinterest